terça-feira, 17 de junho de 2008

uma opinião sobre o Scolari

Muito me desgosta ver a falta de apreço e gratidão por Scolari. Quando estamos na mó de cima, ele é Herói. Quando decide tomar uma decisão que só a ele lhe diz respeito porque as contas e os impostos são dele, ele passa a ser Zeca Diabo. Escorraçam-no, é adeus ó vai-te embora, batem com o pé no chão, chamam-lhe nomes, e só falta cuspir ....
Realmente vivemos num País de atrasados mentais. Desafio qualquer português que deixásse passar a oportunidade que o Scolari tem de treinar o Chelsea, a ganhar o que vai ganhar. Eu faria exactamente o mesmo. Sorry.
O timing foi mau ? Ora vejamos. Quando recentemente comunicou a sua decisão, foi culpado por ser inconveniente, que tem mau timing, etc.
Parece-me que se o tivesse feito, depois do Euro, seria bem pior. Estou mesmo a imaginar: "Traiçoeiro", "falso", "hipócrita", "já sabia que se ía embora e não comunicou nada a ninguém", "falta de lealdade", etc, etc ...
Um morto por ter cão e por não ter.
Entre ser "inconveniente" e "traidor ou desleal", eu preferia claramente ser inconveniente ...

4 comentários:

xico.lf disse...

Fresquinha,
Não sei de quem é a opinião - tua?
Ok, seja de quem for ... concordo!
Isso dos timings, bons ou maus ou assim-assim, certos ou errados, convenientes ou inconvenientes, etc, quem os define de uma maneira ou outra!?!? Se o Scolari quiser desistir e o Abramaovich me quiser ... vou já pró Chelsea, até faço um pequeno desconto!
Les chiens aboient et la caravanne passe! e/ou .. A crítica é o imposto que a inveja cobra do mérito!!!
:))

Já consigo ler tudo com a nova cor!!!

Fresquinha disse...

É minha, sim, Xico. Estou cansada de ver gente a bater no homem que tanto fez pela nossa Selecção. Enervei-me ...

Por mim, podes ir para o Chelsea. Agora duvido que o Abramovich te queira !

Gostei da tua última frase. Não conhecia. E que bem que me parece !

Xara disse...

Está cheiíssima de razão e eu assino por baixo.
Quem puxou pelo País para apoiar a selecção e conseguiu resultados como ninguém tinha conseguido,só pode merecer a nossa gratidão.
Mas as pessoas infelizmente têm a memória curta,gostam muito de reclamar, mas esquecem-se de agradecer.
O seu blog,Fresquinha,também é exemplo disso!
Beijo

Fresquinha disse...

Xara,

Felizmente eu tenho a gratidão de poucos mas bons amigos e isso basta-me.

Não tenho a ingratidão dos outros porque não me devem nada.

Mas sim, os Portugueses só pensam neles. É cultural. A sua casinha, a sua vidinha, a sua familiazinha, o seu carrinho. Tudo o que se passa para lá da porta, não interessa ou está mal. Os outros estão sempre mal. Nós não. Triste fado o nosso !